O Prêmio Ocepar de Jornalismo tem por objetivo reconhecer o importante trabalho dos jornalistas e da imprensa na divulgação das principais ações do cooperativismo paranaense, em prol do desenvolvimento econômico e social do Brasil.

O Prêmio Ocepar de Jornalismo é um programa institucional desenvolvido pelo Sistema Ocepar, com o apoio financeiro da Central Sicredi PR/SP/RJ e Federação Unimed do Paraná, e apoio institucional da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor/PR) e do Sindicato dos Jornalistas do Norte do Paraná.

Tema:

O tema escolhido para esta edição é “cooperativismo: força econômica e social que faz a diferença”.

Premiação:

Ao todo, serão distribuídos R$ 88 mil em prêmios, já descontados todos os impostos. O Prêmio Ocepar é dividido em seis categorias:

Jornalismo Impresso
1º Lugar: R$ 10mil
2º Lugar: R$ 4mil
3º Lugar: R$ 3mil
Radiojornalismo
1º Lugar: R$ 10mil
2º Lugar: R$ 4mil
3º Lugar: R$ 3mil
Prêmio Especial
Ramo Crédito
R$ 10mil
Telejornalismo
1º Lugar: R$ 10mil
2º Lugar: R$ 4mil
3º Lugar: R$ 3mil
Mídia Cooperativa
1º Lugar: R$ 10mil
2º Lugar: R$ 4mil
3º Lugar: R$ 3mil
Prêmio Especial
Unimed
R$ 10mil

Inscrições Prorrogadas!

Até 28 de fevereiro de 2021

Regulamento

1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO

O Prêmio Ocepar de Jornalismo é um programa institucional desenvolvido pelo Sistema Ocepar (Ocepar - Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná, Fecoopar – Federação e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná e Sescoop/PR - Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo), com patrocínio do Sicredi Central PR/SP/RJ e da Federação Unimed do Paraná e apoio institucional da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor/PR) e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Norte do Paraná.

Desde sua criação, em 2004, o Prêmio Ocepar de Jornalismo visa reconhecer o trabalho desenvolvido por jornalistas dedicados a divulgar ações econômicas e sociais realizadas pelo cooperativismo paranaense.

2. DO TEMA

O 14º Prêmio Ocepar de Jornalismo premiará as melhores matérias/reportagens que abordem o seguinte tema: “cooperativismo: força econômica e social que faz a diferença”. Como em anos anteriores, serão aceitas inscrições de trabalhos que façam referência a um ou mais ramos do cooperativismo paranaense representado pela Ocepar (apenas cooperativas filiadas): agropecuário, crédito, saúde, transporte, infraestrutura, consumo e trabalho, produção de bens e serviços. Nas matérias ou reportagens inscritas não precisa abordar especificamente o desenvolvimento de cooperativas tanto na cidade como no campo. Basta ter uma abordagem do desenvolvimento social e econômico das cooperativas paranaenses filiadas em qualquer um dos cenários que será aceita.

3. DAS CATEGORIAS

Podem ser inscritos trabalhos em seis categorias, com a publicação ou veiculação devidamente comprovadas, assim distribuídas:

3.1 - JORNALISMO IMPRESSO/DIGITAL (jornais, revistas, blogs, etc.) - Poderão concorrer nesta categoria matéria publicada em veículos impressos ou digitais, jornais, revistas, blogs sediados no Brasil, e suplementos e encartes que não sejam distribuídos separadamente, seja por meio de assinatura, distribuição gratuita ou por venda em banca. Nesta categoria também são aceitos trabalhos veiculados única e exclusivamente em portais de notícias da internet.

3.2 - TELEJORNALISMO (emissoras de televisão) - Serão aceitos trabalhos veiculados na TV aberta e nos canais de TV por assinatura e internet, desde que tenham sido realizados exclusivamente pelo núcleo de jornalismo das emissoras.

3.3 - RADIOJORNALISMO (emissoras de rádio) - Poderão concorrer somente emissoras de rádio legalizadas e com sede no Brasil. Serão aceitas apenas matérias produzidas pelo núcleo de jornalismo das emissoras ou pelas assessorias de comunicação das cooperativas paranaenses, também por profissionais e publicadas na internet.

3.4 - MÍDIA COOPERATIVA (jornais, revistas, informativos e internet) – Poderão concorrer somente trabalhos publicados nos veículos de comunicação das cooperativas paranaenses, sejam eles impressos ou apenas eletrônicos.

3.5 - PRÊMIO ESPECIAL CRÉDITO – O 14º Prêmio Ocepar de Jornalismo premiará a melhor matéria que aborde o tema deste concurso e que mencione cooperativas do ramo crédito filiadas ao Sistema Ocepar. Concorrem nesta premiação materiais jornalísticos veiculados em jornais, revistas, televisão, rádio, mídia cooperativa ou apenas na internet (digital).

3.6 - PRÊMIO ESPECIAL UNIMED - O 14º Prêmio Ocepar de Jornalismo premiará a melhor matéria que aborde o tema deste concurso e que mencione cooperativas médicas do ramo saúde filiadas ao Sistema Ocepar. Concorrem nesta premiação materiais jornalísticos veiculados em jornais, revistas, televisão, rádio, mídia cooperativa ou apenas na internet (digital).

4. DA INSCRIÇÃO

4.1 - A inscrição para o concurso é gratuita, devido a pandemia do novo coronavírus e a necessidade de isolamento social, a Comissão Organizadora decidiu pela prorrogação das inscroções até o dia 28 de fevereiro de 2021, através do preenchimento correto da Ficha de Inscrição disponibilizada no portal www.paranacooperativo.coop.br e do envio do TRABALHO nos formatos descritos neste Regulamento.

4.2 - Serão exigidos dos participantes, no ato de inscrição, apenas os dados estritamente necessários para identificação e localização do candidato, quais sejam: nome completo, endereço, telefone (fixo e celular), e-mail, CPF, PIS/Pasep e número de documento oficial de identidade.

4.3 - Todo o processo de inscrição será realizado de forma online e somente serão aceitas e válidas as inscrições que se realizarem de tal forma, através do endereço premio.paranacooperativo.coop.br até as 23h59m do dia 28/02/2021. Não serão recebidas inscrições e trabalhos enviados pelos correios ou pessoalmente.

4.4 - Aceite - A efetivação da inscrição para o 14º Prêmio Ocepar de Jornalismo implica na automática aceitação de todos os termos deste regulamento por parte dos candidatos. Serão aceitas apenas as inscrições de trabalhos em língua portuguesa, de autoria de profissionais brasileiros e publicadas ou transmitidas por veículos de comunicação brasileiros, com sede no País. O veículo de comunicação que publicar/veicular o material produzido por um jornalista lotado no Paraná pode ter sede em outro Estado da federação. Necessariamente o material precisa abordar o tema: “cooperativismo: força econômica e social que faz a diferença” e fazer referência a um ou mais ramos do cooperativismo paranaense representado pela Ocepar (apenas cooperativas filiadas – ver relação no portal www.paranacooperativo.coop.br).

4.5 - Qualificação para inscrição - Podem concorrer trabalhos jornalísticos de autoria de uma ou mais pessoas, sejam em forma de matérias, série de reportagens (limite de até três matérias), coberturas jornalísticas de profissionais da imprensa e das assessorias de comunicação das cooperativas paranaenses, sob a condição de que os autores estejam exercendo sua profissão no Brasil.

4.5.1 - Período de veiculação - Podem ser inscritas matérias publicadas/veiculadas no período de 1º de agosto de 2019 a 28 de fevereiro de 2021. Essa data poderá ou não ser prorrogada por decisão da Comissão Organizadora.

4.5.2 - Pertinência - O material inscrito deve, obrigatoriamente, fazer referência ao sistema cooperativista paranaense e com abordagem de cooperativas filiadas ao Sistema Ocepar que atuam, tanto no campo como nas cidades. A produção pode, por exemplo, abordar a importância do desenvolvimento sustentável dos cooperados e das comunidades onde a cooperativa está instalada, gerando emprego, renda e dando sua contribuição para com o desenvolvimento das pessoas, dentro do Estado, ou destacá-lo no âmbito nacional ou internacional. Ou ainda, pode avaliar a atuação do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop/PR), do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (Ocepar) ou da Federação e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (Fecoopar), bem como das cooperativas que atuam no Estado, individualmente ou de forma coletiva. Projetos que envolvam as cooperativas, os cooperados, os funcionários e a comunidade onde essas estruturas estão inseridas também podem ser tema das reportagens.

4.5.3 - Funcionários - Não poderão concorrer ao Prêmio funcionários da Ocepar, do Sescoop/PR, Fecoopar, do Sicredi Central PR/SP/RJ, da Unimed Paraná e funcionários (diretos ou terceirizados) das cooperativas centrais e singulares. Ressaltamos que somente na categoria Mídia Cooperativa é que os funcionários (diretos ou terceirizados) das cooperativas centrais e singulares poderão participar.

4.5.4 - Ex-funcionários da Ocepar e do Sescoop/PR somente podem inscrever trabalhos após 12 meses (1 ano) do seu desligamento funcional.

4.6 - Inscrição de matérias com vídeo - A plataforma não permite upload de arquivos em vídeo. Para inscrição de matérias neste formato, um link de acesso ao material deverá ser informado em campo específico. O acesso deve ser público, ou seja, qualquer pessoa deve ter acesso, sem necessidade de senha ou credenciais e o material deverá permanecer disponível até a data da premiação.

4.7 - Inscrição de matéria única - Cada matéria deverá ser inscrita acompanhada de sua respectiva ficha de inscrição em sua categoria específica.

4.8 - Inscrição de série de matérias - A Comissão Organizadora define como série de matérias as reportagens sobre um mesmo tema (e/ou desdobramentos desse tema) publicadas durante determinado intervalo de tempo.

4.9 - Número de matérias inscritas - Cada autor pode inscrever no máximo 3 (três) trabalhos, independente da categoria, sendo que poderá ser premiado uma única vez, seja na condição de autor ou de coautor.

4.10 - Inscrições para trabalhos com mais de um autor - A ficha de inscrição do material jornalístico de autoria coletiva deverá trazer os nomes dos profissionais que colaboraram na execução da mesma, sendo que um deles será o autor responsável pela matéria, que se responsabilizará pela origem e autenticidade do material inscrito, bem como pela autoria indicada e pela autorização necessária para a inscrição no Prêmio Ocepar de Jornalismo de todos os autores da obra.

4.10.1 - Premiação de trabalhos com mais de um autor - O prêmio será concedido aos autores indicados na ficha de inscrição e entregue, no dia do evento de premiação, exclusivamente ao responsável pela inscrição (autor principal). Não caberá à Comissão Organizadora do Prêmio Ocepar de Jornalismo qualquer responsabilidade na divisão do prêmio em dinheiro entre os autores da matéria.

4.11 - Prazo de inscrição - A inscrição deve ser efetuada até as 23h59m do dia 28 de fevereiro de 2021, sendo esta a data limite para realizar o upload no portal premio.paranacooperativo.coop.br. Essa data poderá ou não ser prorrogada por decisão da Comissão Organizadora.

4.12 - Confirmação da inscrição - A Comissão Organizadora do Prêmio Ocepar de Jornalismo - 14ª edição confirmará o recebimento da inscrição, por meio de correspondência eletrônica ao remetente. As dúvidas poderão ser esclarecidas pelo e-mail: jornalismo@sistemaocepar.coop.br ou pelo telefone (41) 3200-1150.

4.13 - Autoria - As matérias deverão ser assinadas ou ter o(s) nome(s) de seus autores constantes da locução (no caso de rádio) ou do Gerador de Caracteres (GC), no caso de TV. As não assinadas ou assinadas com pseudônimo deverão ter sua autoria atestada pela chefia de redação ou pelo editor.

4.14 - Reprodução - Os trabalhos inscritos poderão ser objeto de reprodução, no todo ou em parte, em iniciativas de responsabilidade dos organizadores do Prêmio Ocepar de Jornalismo, tais como peças promocionais, livros, revistas, folhetos, vídeos, filmes, programas de rádio e TV, sites da internet, catálogos e exposições nas quais predomine o caráter informativo/cultural, com a finalidade de exaltar o trabalho jornalístico, independentemente de qualquer licença, remuneração ou pagamento ao seu autor ou autores, exceto os casos de premiação estabelecidos neste regulamento, sendo obrigatória, contudo, a menção da autoria. A reprodução poderá ocorrer em qualquer parte do território nacional, por tempo indeterminado, sempre tenha por objetivo divulgar o evento ou a premiação ocorrida.

5. DOS FORMATOS DOS TRABALHOS

5.1 - JORNALISMO IMPRESSO/DIGITAL (jornais, revistas, blogs, etc.) - Não serão aceitas inscrições de Cadernos Especiais, apenas matérias ou série de até três matérias, com no máximo 10 (dez) páginas cada. Não serão aceitos artigos, editoriais de jornais e revistas de caráter publicitário ou comercial e matérias que não contenham caráter informativo. Para fazer o upload da reportagem desta categoria, o arquivo deverá ser gravado em formato PDF, com no mínimo 200 DPI e no máximo 300 DPI, e tamanho máximo de 30 MB

5.2 - TELEJORNALISMO (emissoras de televisão) - A Comissão Organizadora limita em 10 minutos o tempo máximo de cada matéria inscrita nesta categoria. Neste tempo estão incluídas as vinhetas de abertura e de fechamento da reportagem. O tempo de duração da matéria/reportagem deverá ser especificado no campo indicado na ficha de inscrição online. Para as reportagens em TV os arquivos devem ser postados no primeiramente no Youtube e na hora da inscrição informar o link correspondente. Para otimizar a visualização das reportagens é necessário que os vídeos sejam publicados na resolução 640X480px.

5.3 - RADIOJORNALISMO (emissoras de rádio) - A Comissão Organizadora limita em 10 minutos o tempo máximo de cada matéria inscrita nesta categoria. Neste tempo estão incluídas as vinhetas de abertura e de fechamento da reportagem.O tempo de duração da matéria/reportagem deverá ser especificado no campo indicado na ficha de inscrição online. Para as reportagens em rádio os arquivos devem ser em MP3, com tamanho máximo de 50 MB. Ele pode também ser publicado no Youtube, Sound Cloud ou outra ferramenta e na hora da inscrição informar o link correspondente.

5.4 - MÍDIA COOPERATIVA (jornal, revistas e internet) - Poderão concorrer somente trabalhos publicados nos veículos de comunicação das cooperativas paranaenses (impressos ou internet) e nos critérios estabelecidos nos itens anteriores para cada uma das mídias (jornalismo impresso, radiojornalismo e telejornalismo). Nesta categoria também podem ser inscritas matérias veiculadas na internet.Para esta categoria os materiais em textos deverão ser realizado o upload em PDF conforme regras do item 5.1. Se for vídeo , seguir as mesmas regras do item 5.2. Se for áudio, seguir as mesmas regras do item 5.3.

5.5 - PRÊMIO ESPECIAL RAMO CRÉDITO - Concorrem nesta premiação materiais jornalísticos veiculados em jornais, revistas, televisão, rádio e mídia cooperativa, de acordo com os critérios estabelecidos anteriormente para cada uma das mídias. Para esta categoria os materiais em textos deverão ser realizado o upload em PDF conforme regras do item 5.1.Se for vídeo, seguir as mesmas regras do item 5.2. Se for áudio, seguir as mesmas regras do item 5.3.

5.6 - PRÊMIO ESPECIAL UNIMED - Concorrem nesta premiação materiais jornalísticos sobre cooperativas médicas do ramo saúde veiculados em jornais, revistas, televisão, rádio e mídia cooperativa, de acordo com os critérios estabelecidos anteriormente para cada uma das mídias. Para esta categoria os materiais em textos deverão ser realizado o upload em PDF conforme regras do item 5.1. Se for vídeo, seguir as mesmas regras do item 5.2. Se for áudio, seguir as mesmas regras do item 5.3.

6. DA PREMIAÇÃO

6.1 - Serão distribuídos um total de R$ 88 mil em prêmios, já descontados todos os impostos. Serão premiados, conforme descrição a seguir, os melhores trabalhos inscritos em cada uma das categorias (Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Radiojornalismo, Mídia Cooperativa, Categoria Especial Ramo Crédito, Categoria Especial Unimed):

JORNALISMO IMPRESSO

  • 1º Lugar: R$ 10.000,00 + troféu
  • 2º Lugar: R$ 4.000,00 + troféu
  • 3º Lugar: R$ 3.000,00 + troféu

TELEJORNALISMO

  • 1º Lugar: R$ 10.000,00 + troféu
  • 2º Lugar: R$ 4.000,00 + troféu
  • 3º Lugar: R$ 3.000,00 + troféu

RADIOJORNALISMO

  • 1º Lugar: R$ 10.000,00 + troféu
  • 2º Lugar: R$ 4.000,00 + troféu
  • 3º Lugar: R$ 3.000,00 + troféu

MÍDIA COOPERATIVA

  • 1º Lugar: R$ 10.000,00 + troféu
  • 2º Lugar: R$ 4.000,00 + troféu
  • 3º Lugar: R$ 3.000,00 + troféu

PRÊMIO ESPECIAL - RAMO CRÉDITO

  • R$ 10.000,00 + troféu

PRÊMIO ESPECIAL – UNIMED

  • R$ 10.000,00 + troféu

6.2 - A premiação dos trabalhos escolhidos pela Comissão Julgadora ocorrerá em julho de 2020, em Curitiba, em data a ser definida e divulgada no portal Paraná Cooperativo.

7. DO JULGAMENTO

7.1 - Processo de seleção e premiação - A Comissão Julgadora será composta por jornalistas, técnicos e dirigentes do Sistema Ocepar. A composição da comissão incluirá no minimo, obrigatoriamente, um coordenador, dois técnicos e três jornalistas, sendo um indicado pela assessoria de comunicação da Ocepar e dois indicados pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor).

7.2 - Critérios de seleção e premiação - Para efeito de análise e julgamento dos trabalhos inscritos no Prêmio Ocepar de Jornalismo, ficam definidos os seguintes critérios de avaliação:

1º - Fidelidade ao tema – A produção jornalística deve, obrigatoriamente, ter como foco ou pelo menos fazer referência ao cooperativismo. O trabalho que não obedecer este critério será desclassificado. O tema escolhido para este ano é: “cooperativismo: força econômica e social que faz a diferença”. Cada membro do júri dará Nota de 0 a 10.

2º - Conteúdo – Análise da riqueza de detalhes, bem como das informações básicas e complementares necessárias para sustentação, pleno entendimento e interpretação do conteúdo. Cada membro do júri dará Nota de 0 a 10.

3º - Estrutura de texto – Devem ser observadas as regras gramaticais, de concordância verbal e de construção da matéria, de forma a priorizar o jornalismo claro, objetivo e, sobretudo, informativo. Cada membro do júri dará Nota de 0 a 10.

7.3 - Classificação - A soma de todas as notas, de todos os membros da comissão, representará a pontuação de cada trabalho e a classificação final dos participantes.

7.4 - Empate - Na hipótese de empate entre os três primeiros classificados, os critérios de desempate serão definidos pela Comissão Julgadora mediante nova análise.

7.5 - Casos omissos - Os casos omissos não previstos neste regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora.

Curitiba, maio de 2020.

Samuel Zanello Milléo Filho - Coordenador da Comissão Organizadora do 14º Prêmio Ocepar de Jornalismo

O Prêmio através dos tempos

Desde sua criação, em 2004, o prêmio registrou 1.124 trabalhos inscritos e premiou 265 jornalistas brasileiros. É considerado uma das principais premiações do jornalismo nacional, pelo tempo de existência e valores distribuídos.


Dúvidas? Entre em contato com jornalismo@sistemaocepar.coop.br